O lado sombrio de Star Wars

O lado sombrio da força, que antigamente era conhecido como ‘o ‘lado negro’, mas devido a evolução do politicamente correto foi renomeado, é a turma dos malvados nos filmes Star Wars, aqueles que apesar de serem carismáticos, sempre tem algum podre por trás. Com o passar das últimas décadas, não foi apenas essa nomenclatura que mudou nessa série clássica do cinema.

Antes de mais nada, todo mundo deve saber do que se trata Star Wars, certo? Em poucas palavras, é uma hexalogia de aventuras especiais com mocinhos e vilões de propriedade intelectual de George Lucas, diretor de cinco dos seis filmes. Se isso não é suficiente para você, então não se dê o trabalho de continuar a passar os olhos pela tela do computado, será perda de tempo.

Bom, recapitulando, são seis filmes, lançados em duas trilogias diferentes. Uma entre os anos 70 e 80, conhecida hoje como a Trilogia Clássica, e a uma outra lançada entre os anos 90 e 2000, que eu nem sei como é conhecida. Aquela primeira, que revolucionou os efeitos especiais, as trilhas de ficção científica, o gênero sci-fi , o lançamento dos grandes filmes no cinema, etc… também criou uma série de devotos fãs, que hoje devem conhecer a obra tão bem quanto o seu principal criador. Eis que no final da década de 90, Lucas tirou da gaveta uma ideia muito antiga, de contar o prelúdio da séria, aliás não apenas um simples prelúdio, mas uma nova trilogia para descobrirmos as origens dos personages e, para piorar a situação, da mitologia dessa série. Eis que foi lançado em 1999, Star Wars – Episódio I – A Ameaça Fantasma, que iniciou o bafafá. Bom, sem rodeios chegamos onde a história está para ser recontada.

No próximo dia 25 de outubro, chega exclusivamente para o mercado norte-americano, um filme, no mínimo interessante, que discute o lançamento da segunda trilogia de Star Wars, e acima de tudo, o descontentamento dos fãs mais fiéis com esse ‘lado sombrio’ da série. O nome do trabalho é The People vs George Lucas, 2010 (em tradução livre: O Povo Contra George Lucas), realizado por um cara chamado Alexandre O. Philippe.

Esse projeto teve início em meados de 2007, quando foi criado o site www.peoplevcgeorge.com conclamando os fãs da saga para enviarem suas observações sobre a obra completa de Lucas. Mais de 600 horas de imagens vindas dos quatro cantos do planeta, que variavam desde depoimentos, animações, filmes em 8mm e também, hoje os famosos, fanfilms. Assim, foi dada largada para a criação desse documentário, que, como colocou o meu amigo Felipe Guerra, em sua crítica muito bem humorada, “o dúbio sentimento de amor e ódio dos fãs de Star Wars“.

Em entrevista a uma revista ianque, o diretor do documentário classificou o trabalho como um tributo à geração do youtube, que segundo ele, o próprio Lucas deveria ter escutado enqueanto realizava os novos capítulos da série. Em uma matéria muito recente, o site Omelete destacou os comentários nada amigáveis de um antigo produtor dos antigos Star Wars, que afirmou que as continuações carecem de problemas em “vários níveis”. Bom, a coisa não é boa para o lado do adversário do povo nesta história.

Em contraponto, o filme também reserva espaço para mostrar tudo de bom, digamos o que sobraria para o lado claro, dos fãs de Star Wars, desde as criações em vídeo, passando por diversos outros segmentos de arte e entretenimento, e claro, chagando ao fanatismo extremo que alguns desmiolados tem pelos filmes. Isso sem entrar em toda penga de produtos comerciais que surgiram derivados da séria.

Enquanto esse documentário divertido e muito interessante, para quem se interessa por Star Wars, claro, não chega por aqui, fica a dica para um download ilegal, já que existe versões, inclusiva com legendas imbutidas.

Falando em Star Wars, recentemente foi lançado as duas trilogias da série no formato Blue-Ray, que acabaram batendo recordes da curta história da nova mídia. Em números, cerca de 1 milhão de unidades foram vendidas em menos de uma semana do seu lançamento, algo que somou mais 84 milhões de dólares para os bolsos do estúdio Fox e de Lucas. Na real, esse tipo de recorde não é novidade para franquia, que também esteve no topo de vendas com o lançamento das duas caixas em DVD para os filmes, a primeira com as versões modernizadas dos filmes antigos e na segunda, com as versões originais e também as alteradas.

Na real, Star Wars já tem tanto relançamento e versão alternativa, estendida, modificada que eu nem me lembro mais qual foi a porra do filme que eu vi. Mas não pense que acaba por aí, ainda tem muito dinheiro, digo, muito formato para explorar! Em fevereiro de 2012, o primeiro capitulo da nova trilogia, aquele que afundou toda mitologia da série e provocou desgosto entre fãs mundo afora, aporta nos cinemas em 3D!!! Uau, não dá pra ficar de fora dessa, né, então já é bom ficar ligado, comprar os ingressos antes e conferir de perto o mesmo filme que você provavelmente conferiu na Sessão da Tade, em VHS, no relançamento no cinem, em DVD remastezidado, em DVD original chinelão e em Blue-Ray, mais uma vez. Bom, pelo menos eu fiz isso…

De qualquer maneira, para quem se interessar um pouco em conhecer o lado sombrio de Star Wars segue abixo o trailer desse filme que, no mínimo, deve ser muito bacana, aos devotos fãs da série.

Obs1: Este texto contém informações extraídas d’O Globo.

Obs2: Todas as muitas vezes que as palavras Star Wars são mencionadas, elas aparecem grifadas em itálico, para lembrar que isto partence ao seu criador, a LucasFilm e a Fox.

Obs3: Acabei de me flagrar falando sobre abusos comerciais mais uma vez em um dos meus textos. Acho que porquê ando meio quebradaço por esses dias, não ando muito simpático com compras, produtos e eventos caros.

Fábio Prina_ 21_10_2011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s