The Oscars 2012 – Os indicados

Bem, como é de costume nesse espaço bizarro na web, vou postar alguma coisa sobre a 84ª Cerimônia de Premiação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, também conhecido como o Oscar. Desde muito piá que eu acompanho essa festa. Acho tri legal os figurões lá, fazendo piadinha, discursinho e até alguma que outra apresentação interessante.

Porém neste ano, de todos que eu venho acompanhando, digamos desde 1994 ou 95 (tá não sou o Rubens Ewald Filho), não tenho qualquer atração por assistir essa festa. Não sinto que tem aquele filme, que me faça torcer, ou aquele ator/diretor que fez um trabalho fenomenal e eu gostaria que ele saísse com o carequinha dourado debaixo do braço. Esse ano, de todos, me parece o mais sem graça no cinema.

Outro motivo, além desse que eu acho mais infantil e sincero, não ando indo muito ao cinema. Sempre tive a preocupação de não me tornar um desses reclamões xaropes, que ficam achando qualquer picuinha pra não se divertir. Mas no caso do cinema, eu me tornei um muito precoce. Não tenho mais saco pra ir ao cinema. O atendimento é péssimo, o público é mal educado, as salas estão cada vez piores (digo, pelo menos as de Caxias do Sul / Bento Gonçalves / São Leopoldo / Porto Alegre, onde costumo ir), os celulares acendem/tocam toda hora, a conversa paralela pega geral e a latinha de refrigerante TEM que ser aberta exatamente na hora uma cena sentimental ou silenciosa, sei lá… assim por diante!

Sem falar que, além de filmes bons já terem um histórico marginalizado nas modernas salas de cinema, com a disseminação do 3D, agora achar uma produção interessante o suficiente pra se tenha vontade de ver num multiplex de 10 salas é uma raridade. Então larguei a barca de mão.

Feito o desabafo, não vi nenhum filme do Oscar. Às exceções são o último do Woody Allen, Meia Noite em Paris, o qual fui literalmente arrastado para o cinema pela minha namorada, mas o filme é ótimo, e o hermético A Árvore da Vida, de Terrence Milick, que tive que admitir, é demais pra mim. Até quis gostar desse filme, mas na terceira tentativa de ver, na terceira cochilada… não deu certo.

Enfim, o festa do Oscar acontece no domingo, dia 26 de fevereiro, dois dias antes do meu aniversário, à partir das 22h, com transmissão ao vivo da TNT. A Globo também deve transmitir, mas apenas para aqueles que tiverem paciência de aguardar o término do Fantástico e a íntegra de mais um ótimo capítulo da novela Big Brother Brasil. O apresentador da cerimônia será o ator e comediante Billy Crystal, pela enésima vez, pô, nem nisso os caras quiseram inovar um pouco?

Os dois filmes recordistas em indicações são: A Invenção de Hugo Cabret, de Martin Scorsese, com 11, seguido pelo filme francês mudo e em preto e branco O Artista, grande favorido da festa. Segue abaixo todos os indicados à premiação. Coloquei um asterisco  nos meus prediletos. Se eles não ganharem também… ah que se dane!

  • Melhor filme

Os Descendentes
A Árvore da Vida
Histórias Cruzadas
A Invenção de Hugo Cabret
O Homem Que Mudou o Jogo
Cavalo de Guerra
O Artista
Meia-Noite em Paris *
Tão Perto e Tão Forte

  • Melhor ator

George Clooney – Os Descendentes * 
Brad Pitt – O Homem Que Mudou o Jogo
Jean Dujardin – O Artista
Demián Bichir – A Better Life
Gary Oldman – O Espião que Sabia Demais

  • Melhor atriz

Glenn Close – Albert Nobbs
Viola Davis – Histórias Cruzadas
Rooney Mara – Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres *
Meryl Streep – A Dama de Ferro
Michelle Williams – Sete Dias com Marilyn

  • Melhor ator coadjuvante

Kenneth Branagh -Sete Dias com Marilyn
Nick Nolte – Guerreiro
Max Von Sidow – Tão Perto e Tão Forte
Jonah Hill – O Homem Que Mudou o Jogo
Christopher Plummer – Toda Forma de Amor

  • Melhor atriz coadjuvante

Bérénice Bejo – O Artista
Jessica Chastain – Histórias Cruzadas
Janet McTeer – Albert Nobbs
Melissa McCarthy – Missão Madrinha de Casamento *
Octavia Spencer – Histórias Cruzadas

  • Melhor diretor

Woody Allen – Meia-Noite em Paris *
Terrence Malick – A Árvore da Vida
Alexander Payne – Os Descendentes
Michel Hazanivicous – O Artista
Martin Scorsese – A Invenção de Hugo Cabret

  • Melhor roteiro adaptado

A Invenção de Hugo Cabret
Tudo pelo Poder
Os Descendentes
O Espião que Sabia Demais
O Homem Que Mudou o Jogo

  • Melhor roteiro original

Meia-Noite em Paris *
O Artista
Margin Call – O Dia Antes do Fim
Missão Madrinha de Casamento
A Separação

  • Melhor filme em lingua estrangeira

A Separação (Irã)
Bullhead (Bélgica)
Monsieur Lazhar (Canadá)
Footnote (Israel)
In Darkness (Polônia)

  • Melhor longa animado

Gato de Botas
Kung Fu Panda 2
Rango *
Um Gato em Paris
Chico & Rita

  • Melhor trilha sonora original

As Aventuras de Tintim
O Artista
O Espião que Sabia Demais
A Invenção de Hugo Cabret
Cavalo de Guerra

  • Melhor canção original

“Man or Muppet” – Os Muppets
“Real in Rio” – Rio

  • Melhores efeitos visuais

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2
A Invenção de Hugo Cabret
Gigantes de Aço
Planeta dos Macacos – A Origem
Transformers: O Lado Oculto da Lua

  • Melhor maquiagem

Albert Nobbs
Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2
A Dama de Ferro

  • Melhor fotografia

Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres *
O Artista
A Invenção de Hugo Cabret
A Árvore da Vida
Cavalo de Guerra

  • Melhor figurino

Anônimo
O Artista
A Invenção de Hugo Cabret
Jane Eyre
W.E. – O Romance do Século

  • Melhor direção de arte

O Artista
Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2
A Invenção de Hugo Cabret
Cavalo de Guerra

  • Melhor documentário

Hell and Back Again
If a Tree Falls
Paradise Lost 3: Purgatory
Pina
Undefeated

  • Melhor documentário de curta-metragem

God is the Bigger Elvis
The Barber of Birmingham: Foot Soldier of the Civil Rights Movement
Incident in New Baghdad
Saving Face
The Tsunami and the Cherry
Blossom

  • Melhor montagem

Os Descendentes
O Artista
Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres *
O Homem Que Mudou o Jogo
A Invenção de Hugo Cabret

  • Melhor curta

Pentecost
Raju
The Shore
Time Freak
Tuba Atlantic

  • Melhor curta animado

Dimanche
The Fantastic Flying Books of Mister Morris Lessmore
La Luna
A Morning Stroll
Wild Life

  • Melhor edição de som

Drive
Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres *
Cavalo de Guerra
A Invenção de Hugo Cabret
Transformers: O Lado Oculto da Lua

  • Melhor mixagem de som

Millennium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres *
Cavalo de Guerra
A Invenção de Hugo Cabret
Transformers: O Lado Oculto da Lua
O Homem Que Mudou o Jogo

Se quiserem dar uma checada nos posts das últimas edições do Oscar, deem uma clicada em 2011, 2010 e 2009.

Fábio Prina_09/02/2012

Anúncios